Páginas

Trocadilhos




Eu corto, o José Serra.
Tudo pira, até caipira.
Eu estou aqui, Rita Lee.
Eu como caju, a Camila Pitanga.
Ninguém queria pagar a conta, a Cassia Kiss.
Gosto de Flores, o Tony Ramos.
Eu acordo mais tarde, o Edir Macedo.
Tudo cola, até sacola.
Eu não esperei, mas o Jack Sparrow.
Gosto de tubarão, a Cláudia Raia.
Eu amo inverno, a Vera Verão.
Eu não vou furar, o Juca Kfouri.
Eu danço, o Exaltassamba.
Eu vi o Chapolin, o Hugo Chaves.
Eu não tenho mas, o Frankstein.
Tudo late, até Parmalat.
Eu uso enxada, o Cleber Machado.




Eu como maça, a Marilia Pera.
Eu não vi, mas o Clodovil.
Sou palmeiras, o Silvio Santos.
Gosto de azul, a Chapeuzinho Vermelho.
Prefiro laranja, a Fernanda Lima.
Eu taco barro, o Dalai Lama.
Eu não lato mas, o merthiolate.
Eu como carne, o Lula Molusco.
Estudo próton, Jimmy Neutron.
Fui 2° colocado, Dom Pedro I.
Eu quebro mansões, mas Tati Quebra Barraco.
Tenho gato, a Patricia Coelho.
Prefiro prato, a Cléo Pires.
Eu gosto de calor, o Milton Neves.
Todo mundo é pato, até sapato.
Gosto de café, a Cláudia Leite.
Eu não vou mas, o Steve Vai.
Você faria papel de trouxa? A Betty Faria.
Eu visitei Roma, a Mel Lisboa.
Eu sou paulista, o Junior Baiano.
Sou da cidade, Vanessa da Mata.
Fui roubado, Nelly Furtado.
Eu vou de ônibus, o James Bond.
Eu sou terrestre, Roberto Marinho.
Eu encho o balde, mas o Valderrama.
Eu gosto de chá gelado, o Clark Kent.
O cavalo come capim, o André Matos.
Eu não sei, mas Kassab.
Tudo dura, até verdura.
Eu quero guerra, a Bárbara Paz.
O Pateta usa o teclado, e o Mickey Mouse.
A minha sandália é velha, a da Penélope Nova.
Eu uso Bom Bril, o Bob Esponja.
Eu não digo, mas Bee Gees.
Eu não vou catar, que o Alicate.
Você já esteve na Europa? A Adriana Esteves.
Eu não peço, mas o mouse-pad.
Eu prefiro o Batman, o Luciano Huck.
Na minha casa tem piscina, vem Canadá.
Em mim não dói, mas no Oscar Roberto Godoy.
Me dê 1 e pro Marcelo D2.
Sou do bairro, o Martinho da Vila.
Tudo muda, até bermuda.
Tudo dá, até abadá.
Tudo dura, até dentadura.
Eu pulo do barranco, o Luciano do Valle.
Eu fujo, o Chiquinho Scarpa.
Eu uso orelhão, o Edson Celulari.
Todo mundo anda, até varanda.
Eu vou à igreja e o Otávio Mesquita.
Eu prefiro carne, o Felipe Massa.
Adoro comer maçã, a Dani Bananinha.
Sou brasileiro, o pão francês.
Eu limpo com sabão, a Maria Cândida.
Eu pinto paredes, o Jânio Quadros.
Eu conto meses, a Cameron Diaz.
Você riu dessas piadas? Não? Mas o O Damon Hill.
Eu não sinto frio, o 50 Cent.
Sou daqui, Salvador Dali.
Eu não matei, mandei o Maurício Mattar.
Você já morou nos EUA? A Marylin Monroe.
Todo mundo só morre uma vez, mas a Alanis Morissete.
Eu sou brasileiro, o Renato Russo.
No calor tudo frita, até batata frita.
Tudo volta, até John Travolta.
Eu aperto o stop, o Coldplay.
Eu acho legal, o Felipe Massa.
Eu sou calmo, o Johnny Bravo.
Eu não uso drogas, o Cazuza.
Tudo gira, até pomba gira.
Todo mundo mente, até semente.
Eu mexo com argila, o Gilberto Barros.
Prefiro vinho tinto, a Deborah Secco.
Eu jogo na quina, o Ayrton Senna.
Eu subo a montanha, Marisa Monte.
Eu fumo, o Celso Pitta.
Tudo na vida ama, até fliperama.
Vou comprar um Passat, o Carlos Santana.
Como camarão, o presidente Lula.
Eu uso gasolina, o Vin Disel.
Eu sou honesto, o Sérgio Malandro.
Eu não gosto, mas a Isadora.
Cachorro late, academia.
Eu vou de ônibus, a Rita Cadilac.
Todo mundo usa, até blusa.
Sou daqui, Fafá de Belém.
Tudo vê, até a TV.
Eu uso Havaianas, a Tomb Raider.
Eu ouço Ipod, o Geraldo Alkman.
Eu gosto de gato, Paulo Coelho.
Eu estou aqui, Muhammad Ali.
Eu escovo os dentes 4 vezes ao dia, o Joãozinho Trinta.
Eu ando de biz, a Daniele Suzuki.
Tudo boia, até jiboia.
Eu durmo, o Seu Madruga.
Eu não vi, mas o navio.